menu
Chapada Diamantina-Bahia | Whatsapp: 89 8807-3289
Chapada em Alerta
Itaberaba - BA
LENÇOIS
CIDADES
CIDADES
LENÇOIS
Postada em 28/08/2017 ás 20h00 - atualizada em 28/08/2017 ás 20h00
MPF recomenda que órgãos estaduais e o município adotem providências para garantir direitos de comunidade quilombola em Lençóis (BA)
Órgão busca a efetiva prestação de segurança pública após a chacina ocorrida na comunidade de Iúna, que deixou seis mortos; recomendações também visam a garantir o direito à educação dos moradores
MPF recomenda que órgãos estaduais e o município adotem providências para garantir direitos de comunidade quilombola em Lençóis (BA)

comunidades Quilombolas

O Ministério Público Federal (MPF) em Irecê (BA) emitiu,em 24 de agosto, recomendações à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA), às Polícias Civil e Militar do Estado da Bahia e à prefeitura de Lençóis (BA) para que adotem medidas que visem garantir o direito à vida, à integridade física e à educação dos quilombolas da comunidade de Iúna, localizada no município.



As recomendações resultam de procedimento instaurado pelo MPF para acompanhar a investigação da chacina ocorrida no quilombo no último dia 6 de agosto, quando seis integrantes da comunidade foram assassinados dentro do território. Desde então, de acordo com o procurador da República Márcio Albuquerque de Castro, a comunidade “vive sob contínuo e severo estado de medo”.



Nas recomendações, o MPF destacou que o crime acarretou na saída de muitas famílias do quilombo: das 42 que ali residiam, restam apenas 12, cujas crianças deixaram de frequentar a escola, por medo de novos ataques.



O MPF recomendou que a SSP-BA e as Polícias Civil e Militar empreguem medidas para garantir o direito à vida, à integridade física e ao patrimônio dos quilombolas, inclusive com envio periódico de rondas ao local; e que atendam prontamente às ocorrências na comunidade, especialmente com investigações céleres e minuciosas.



A prefeitura de Lençóis deverá disponibilizar apoio logístico aos quilombolas que desejem retornar à Comunidade de Iúna, assim como auxílio psicológico ou psiquiátrico a todos os seus integrantes. De forma conjunta, os órgãos estaduais e a prefeitura de Lençóis deverão, ainda, adotar providências para a imediata retomada das aulas na Comunidade de Iúna.



Confira a íntegra das recomendações:



Secretaria de Segurança Pública



Polícia Civil



Polícia Militar



Prefeitura do Município de Lençóis


FONTE: MPF
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Qual desses nomes você votaria para Governador da Bahia?

ACM Neto
79 votos - 67.5%

Ruy Costa
29 votos - 24.8%

Otto Alencar
6 votos - 5.1%

Lidice da Mata
3 votos - 2.6%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium