Segunda, 22 de abril de 2019
(75) 98834-6881 E-mail: [email protected]
Internacional

03/04/2019 às 22h37

Redacao

Teresina / PI

Professor é detido suspeito de envenenar 23 alunos; crianças têm entre quatro e cinco anos.
Sete alunos estão internados em estado grave, após ingerir uma papinha com um nível anormal de nitrito de sódio, um aditivo alimentar que é tóxico se consumido em grandes quantidades.
Professor é detido suspeito de envenenar 23 alunos; crianças têm entre quatro e cinco anos.

Um professor de jardim de infância, na cidade de Jiaozuo, na China, foi detido sob suspeita de ter envenenado premeditadamente 23 alunos, com idades entre quatro a cinco anos, informou nesta terça-feira (2) a imprensa local. As informações são do G1. A suspeita é que ele tenha colocado nitrito de sódio à comida das crianças.


Segundo a publicação, sete alunos estão internados em estado grave, após ingerir uma papinha com um nível anormal de nitrito de sódio, um aditivo alimentar que é tóxico se consumido em grandes quantidades. Os outros 15 estudantes foram liberados.


Em comunicado, as autoridades disseram que as investigações estão em andamento e que os motivos do caso ainda não foram esclarecidos. Ainda, policiais que não quiseram se identificar, afirmam que estão investigando a possibilidade de que a motivação do professor tenha sito uma vingança contra um colega de trabalho.


Pais de alguns alunos relataram que após serem avisados, ao chegarem na escola, encontraram seus filhos pálidos e vomitando, alguns deles inclusive desmaiados.


A escola foi fechada e todos os alunos foram transferidos a outros colégios da região.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium